Acorda Cidade - Versão Mobile

Polícia Civil prende suspeito de arrombar mais de 30 estabelecimentos comerciais e residências

Lojas, clínicas, pet shops e residências eram arrombadas pela dupla que levava objetos de valor e vendia a receptadores por preços ínfimos.
11/08/2017 11h28
Foto: Aldo Matos/Acorda Cidade

Rachel Pinto

Policiais Civis da Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos (DRFR), sob o comando do delegado André Ribeiro, prenderam, na quinta-feira (10), Cristiano Carmo da Conceição, conhecido como Zeca Urubu, suspeito de arrobar diversas residências, clínicas e estabelecimentos comerciais da cidade.

Segundo a polícia, ele já chegou a praticar cerca de 30 arrombamentos  com o comparsa Jones Carlos Souza, conhecido como Pardal, principalmente na Avenida Getúlio Vargas e ruas São Domingos e Visconde do Rio Branco. O delegado André Ribeiro informou que a polícia realizou um trabalho de investigação até chegar ao suspeito e está realizando diligências para chegar até Jones Carlos.

Lojas, clínicas, pet shops e residências eram arrombadas pela dupla que levava objetos de valor e vendia a receptadores por preços ínfimos. De acordo com o delegado, os homens são usuários de drogas, furtavam objetos e os vendiam para financiar o vício.

“Objetos que custam, por exemplo, cerca de 3 mil reais, eles vendiam rapidamente por R$150, R$200. Eles rondam pela madrugada, não têm morada fixa e praticavam os crimes principalmente durante a noite”, afirmou.

O delegado André Ribeiro, salientou que um dos receptadores dos objetos furtados pela dupla de arrombadores foi autuado em flagrante pelo crime de receptação qualificada e encaminhado para audiência de custódia. Ele observou que a receptação de objetos é crime e pode levar à prisão.

Com informações do repórter Aldo Matos do Acorda Cidade.

Whatsapp
Google+

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.