Acorda Cidade - Versão Mobile

Homem acusado de lesar mais de 20 pessoas é preso, diz polícia

Adson cobrava por serviços como a instalação de boxes de blindex e esquadrias de alumínio e desaparecia com o dinheiro sem fazer o serviço
08/07/2017 09h59
Foto: Divulgação/ Polícia Civil

Acorda Cidade

Com um mandado de prisão preventiva em aberto por estelionato, Adson Nascimento dos Santos, foi preso, nesta sexta-feira (7), por investigadores da Delegacia de Repressão ao Estelionato e Outras Fraudes (Dreof) e conduzido à Delegacia de Defesa do Consumidor (Decon). Apenas na Decon, existem mais de 20 ocorrências registradas contra ele.

Entre os anos de 2011 e 2017, segundo as acusações, Adson teria lesado diversas pessoas ao oferecer serviços como instalação de boxes de blindex, esquadrias de alumínio, redes de proteção, espelhos, entre outros. Após receber o valor total do orçamento ou a primeira parcela do pagamento, ele desaparecia com o dinheiro dos clientes.

A titular da Decon, delegada Idalina Otero, informou que nos panfletos onde ele anunciava seus serviços estava impresso o nome da empresa ADS Serviços, que não existe. Até então sem passagens anteriores pela polícia, Adson será encaminhado ao sistema prisional.
  

Whatsapp
Google+

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.