Acorda Cidade - Versão Mobile

Andamento do projeto da ponte SSA-Itaparica é apresentado a prefeitos

Ainda durante a reunião foi assinada uma carta conjunta do Governo do Estado com os representantes dos dez municípios dirigida ao presidente da República, Michel Temer.
19/04/2017 09h48
Foto:Ascom/Seplan

Acorda Cidade

O vice-governador e secretário estadual do Planejamento, João Leão, esteve reunido, na tarde de terça-feira (18), em Salvador, com os prefeitos dos dez municípios que serão diretamente impactados pelo projeto do Sistema Viário Oeste, que tem como principal obra a ponte Salvador – Ilha de Itaparica. Ele apresentou aos gestores municipais uma atualização do andamento do projeto e anunciou a chegada de técnicos chineses que irão trabalhar na iniciativa juntamente com o corpo técnico da Secretaria do Planejamento do Estado (Seplan).

Ainda durante a reunião foi assinada uma carta conjunta do Governo do Estado com os representantes dos dez municípios dirigida ao presidente da República, Michel Temer. O documento solicita o apoio do governo federal ao projeto e reafirma a importância das obras para o desenvolvimento do estado da Bahia.

Valença, Muniz Ferreira, Maragogipe, Jaguaripe, Salinas da Margarida, Aratuípe, Nazaré, Santo Antônio de Jesus, Vera Cruz e Itaparica foram os municípios representados na reunião. O Sistema Viário Oeste (SVO) busca criar um novo vetor de desenvolvimento no estado, impactando 250 municípios da Bahia. Além da construção de uma ponte com cerca de 12 quilômetros, de extensão entre Salvador e a Ilha de Itaparica.

O projeto prevê uma série de intervenções para e melhoria da infraestrutura viária da região, entre elas, a requalificação da BA-001 na Ilha de Itaparica e construção de uma via alternativa para tráfego pesado; a duplicação da Ponte do Funil, entre Vera Cruz e Jaguaripe; a duplicação da BA-001 e BA-046, até Santo Antônio de Jesus; e a construção de um trecho de rodovia entre Santo Antônio de Jesus e Castro Alves e entre Castro Alves e a BR-116. 

Whatsapp
Google+

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.