Acorda Cidade - Versão Mobile

Operação da PM reforça policiamento neste feriadão em Feira de Santana

Visando conter os homicídios e latrocínios na cidade de Feira de Santana, também foi realizada uma operação conjunta entre a Polícia Militar e a Polícia Civil.
13/04/2017 20h00
Foto: CPRL

Acorda Cidade

O Comando de Policiamento da Região Leste (CPRL) iniciou às 17h desta quinta-feira (13), a “Operação Semana Santa 2017”.

A operação está sendo desenvolvida através de ações de polícia ostensiva em toda a cidade, inclusive distritos, por meio de abordagens a pessoas, veículos, estabelecimentos e montagem de postos de fiscalização de trânsito, com foco no combate ao tráfico de drogas, porte ilegal de armas, roubos e furtos de veículos e condutores de veículos embriagados.

O objetivo, segundo o CPRL, é garantir a segurança dos cidadãos feirenses durante o feriado da Semana Santa. O coronel Adelmário Evangelista Xavier, comandante do CPRL, informa que as ações acontecerão durante todo o final de semana e pede que a sociedade participe denunciando as ações criminosas através dos números 190 (Cicom) e 181 (Disque Denúncia). As denúncias são anônimas.

A Operação tem a coordenação do CPRL e está sendo desencadeada nas áreas das Companhias Independentes de Feira de Santana e contará com o apoio da Rondesp/Leste, Esquadrão de Motociclistas Asa Branca, Esquadrão de Cavalaria, CIPE/Litoral Norte e CIPE/Nordeste.

Operação Saturação PM e PC

Visando conter os homicídios e latrocínios na cidade de Feira de Santana, foi realizada nesta quinta-feira (13) uma operação conjunta entre a Polícia Militar e a Polícia Civil em bairros de grande incidência de delitos. Um efetivo de 21 guarnições num total de 85 policiais participou da operação que resultando na prisão de dois homens que estavam em uma motocicleta roubada. (Leia mais aqui)

Whatsapp
Google+

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.