Acorda Cidade - Versão Mobile

Procissão do Fogaréu incrementa turismo em Serrinha

Tradição há quase 90 anos, o ícone do turismo religioso baiano é realizada após a missa do Lava Pés, que relembra a Santa Ceia, às 19h30.
11/04/2017 12h00
Foto: Rita Barreto

Acorda Cidade

A cidade de Serrinha, na região turística Caminhos do Sertão, no nordeste da Bahia, tem ampla programação religiosa para a Semana Santa. A Procissão do Fogaréu, na noite da quinta-feira santa (13), é o ponto alto das celebrações, que devem reunir 20 mil pessoas, entre elas, 10 mil visitantes, segundo a Secretaria de Desenvolvimento Econômico do município.

Tradição há quase 90 anos, o ícone do turismo religioso baiano é realizada após a missa do Lava Pés, que relembra a Santa Ceia, às 19h30. A caminhada reúne milhares de fiéis e tem início na catedral. com a encenação da prisão de Jesus. Toda a representação da Paixão de Cristo é realizada em três diferentes pontos da cidade.

A Procissão do Fogaréu também encanta moradores e visitantes da cidade pela beleza das luzes conduzidas por fiéis como tochas a iluminar o caminho percorrido por Jesus após sua prisão.O feriado religioso aumenta o fluxo de visitantes no município e movimenta a cadeia do turismo.

No hotel Serra Plaza, sete dos 11 apartamentos do empreendimento estão reservados. O gerente Josimar Souza acredita que os quatro restantes sejam ocupados até a quinta-feira, dia da procissão. A expectativa positiva também é compartilhada por Elizabeth Almeida, do Hotel Alvorada. “Dos oito apartamentos, quatro estão reservados, mas esperamos lotar com as reservas de última hora. Todos os anos têm sido assim”.

No restaurante Paraíso das Massas, é esperado um movimento 50% superior, comparado a semanas normais. De acordo com o gerente Valdilino das Neves, a maior procura costuma ser à noite, com destaque para a Quinta-feira Santa, quando a demanda chega a aumentar até 70%. A programação está disponível no site da Setur.
 

Whatsapp
Google+

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.